Por aqui

domingo, 24 de janeiro de 2016

ALGUÉM NOTOU, ALGUÉM VIU ?







Ninguém sabe quantas noites
o luar cobriu a relva na cidade
e num toque a serenou...



que ao abrolhar rebentos
a Primavera ébria de matizes
mudou o momento, perfumou os ares
germinou sementes...



despercebido da alvorada
o olhar distraiu-se nas horas
pra qualquer lugar...



que até o silêncio
ao levedar o sonho
em peremptório instante
o deixou suspenso...



e as oportunidades
embriões do tempo
alguém notou?
alguém viu?




Maria Lucia (Centelha Luminosa)