NATAL DE JESUS


Eis que surge, a repercutir, uma vez mais na sociedade humana, em especial para o mundo ocidental, a magia da representação do Natal.

Apesar da vigência em nossos dias, de exacerbado imediatismo e consumismo, da violência urbana e social, e todos os excessos e abusos que acabam por minar a fé e a esperança, o bom ânimo e a confiança dos povos, permanece essa imorredoura magia a influenciar com seus misteriosos e dulcificantes eflúvios e de forma sutil, a muitos seres, independente de posicionamentos religiosos, filosóficos, ou mesmo da ausência deles. Fenômeno esse, ainda incompreensível para muitos de nós que ainda não alcançamos a compreensão da magnitude da vinda de Jesus Cristo a Terra.

É inegável que, com a aproximação da época natalina, modificam-se continuamente as paisagens íntimas das pessoas, permitindo uma  pausa para um encontro com os próprios sentimentos, consentindo que desperte a solidariedade e a fraternidade que se encontram no âmago do ser e que por essa época surge em suaves manifestações de amor ao próximo, e desejos de um mundo melhor. Por isso, vale a pena sim, comemorar essa data, apesar das contraditórias manifestações humanas quanto à transcendência da data, buscando sempre por experiências novidadeiras, como forma de substituir a legitimidade do Natal de Jesus, mas que não obstante suas ações, não deixam de se envolver na sensibilidade desse momento...

Hoje, mais que em todos os tempos da Humanidade, se faz urgente a  necessidade de refletir na vivência do Amor, apresentada à Humanidade de forma simples e concisa pelo maior de todos os Mestres que esse planeta já viu, porque Ele se referia ao Amor, como força de agregação Universal, nos ensinando que o Mundo somente será fraterno e pacífico, quando conscientemente optarmos por vivenciá-lo em nossos pensamentos, palavras, e atitudes.



Assim, ante a oportunidade da rememoração do Natal endereço ao Mestre dos Mestres, Irmão Maior, a minha eterna gratidão, louvando-O também, por meio desse texto.


E, aos que vierem a esse blog e, em especial aos meus amigos e parceiros blogueiros e blogueiras, que prestigiaram o SEMENTES PRECIOSAS durante todo o ano de 2012, lendo e comentando os meus poemas e escritos, desejo de coração um Feliz Natal, hoje e sempre!

Beijos e abraços

Maria Lucia (Centelha Luminosa) 
E nessa oportunidade divulgo também o extraordinário trabalho de nosso parceiro, o escritor  Christian V. Louis, na idealização e realização do livro 1ª Antologia Literária ESCRITOS LISÉRGICOS, no qual muitos blogueiros participam com poesias e crônicas, inclusive eu, com o poema "Poema da Esperança".



Quem desejar adquirir um exemplar desse livro, visite a página do Christian:

http://escritoslisergicos.blogspot.com.br/2012/12/1-antologia-escritos-lisergicos-de-natal.html?spref=fb