quarta-feira, 11 de maio de 2016

"CANTADA"


Emoção indefinida
avalanche imensurável
ora serena, ora inquieta
a provocar-me 

íntimo contentamento

a me estremeçer 
sucumbida de espanto
por tua "cantada" tão direta
por minha rendição
desavisada
enfeitiçada pelos sóis
do teu olhar
da tua boca
afoita pela minha 
submissa ao vasto céu
que me ofereces e, eis que num átimo
recuo, ouso
procrastinar o prazer
que adivinho
iria me perpassar inteira
em iridescente gozo


Maria Lucia (Centelha Luminosa)