quarta-feira, 29 de outubro de 2014

INSENSATEZ



INSENSATEZ

 –Maria Lucia (Centelha Luminosa)



Ah!...Momento doloroso 
esse que passa
quando a loucura 
alonga o seu braço obsessor
para alcançar o incauto
multiplica-se aos milhares 
de esperança frágil
desde a matriz até o recôncavo...

tormentosos esses dias
em que arraia-miúda se espraia e grita
ensandecida pra compactuar
com o caudilho...

Não ouve,oh, insensato
da Terra o grito triste
ferida de morte?
esqueceu que a vida é tão breve
quanto o evolar da chama
que míngua aos poucos
da centelha de todo espírito?