sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

Pra Onde Eu Vou ?





Não faço planos
nem reviso nada
o amanhã é hoje
e tudo se equilibra
no fio da espada


Inexorável
a sucessão dos dias
a vida continua
incontrolável


Não há prodigios
nem se augura luas novas
nem os amores são trazidos
de volta


As horas se repetem
silenciosas 
lâmina fina
a riscar o calendário


e eu indago ao tempo
pra onde me leva?
pra onde eu vou?
pra que lugar?


Maria Lucia (Centelha Luminosa)